Hélio Martins Coelho
  • Palavras chave

  • « | Home | »

    Tomar de quem tem para dar para ninguém!!!

    A “Esquerda Neo liberal” é uma invenção do diabo para adaptar-se a globalização. Ganhou o poder montado no Real e “navega” alegando a necessidade de obedecer a globalização.

    Reconheceu uma realidade muito forte no pais: poucos ganham muito e muitos ganham pouco.

    Usando como alavancas a abertura comercial, o cambio defasado e os juros assassinos, pensa que vai resolver os problemas de distribuição de renda e transformação da sociedade; TOMANDO DE QUEM TEM, PARA DAR PARA NINGUÉM.

    Como ele fez isso :

    - Aumentou os impostos que já eram altos

    - Embalou a Reforma Agraria, modificando as leis existentes e prestigiando as invasões de propriedades pelo MST e agora por outras organizações inclusive Sindicatos e Federações.

    - Forçou a venda de empresas brasileiras endividadas para as multinacionais.

    - A pobreza teve algum aumento do poder de consumo pela eliminação do imposto inflacionário.

    - Mas a pobreza aumentou pelo desemprego

    - O interior ficou mais pobre, pela diminuição da rentabilidade da lavoura.

    Resumo da festa :

    1- Brasileiro rico ficou mais pobre, exceto o que foi para Flórida, Paraguai, Bolívia, Uruguai e Argentina.

    2- Trabalhador está desempregado ou sob ameaça de desemprego

    3- Multinacionais substituíram os empresários brasileiros, ou o próprio Governo, nas Estatais privatizadas.

    4- Não houve reforma política, nem eleitoral, nem administrativa.

    5- A carga Tributaria é ascendente. Pagam todos, ricos e pobres. CPMF, FINSOCIAL, PIS-PASEP, INSS, ICMS, IPI e outros 50 impostos e taxas. De cada 100, no valor do produto, no final os Governos ficam com 30 !!

    6- Esses impostos perdem-se no emaranhado do governo, não saem nem obras nem melhorias reais no setor público. Não dá nem para pagar funcionários e suas aposentadorias!!

    7- A Segurança, Justiça, Saúde e Educação, só melhoraram na televisão.

    A Comunidade Solidária e outros programas copiados do México, nem “arranham” a superfície do problemas.

    O líder da esquerda com ação Neo-liberal, teve a competência de continuar esquerdista e obter o suporte duma manada de políticos das mais variadas colorações.

    Trabalhou tão bem que, não sobrou ninguém com carisma suficiente para disputar com ele nas eleições presidenciais. Em 2002 entrega o poder para quem?

    OS NOVOS GOVERNADORES

    Esquerdistas puros
    - Rio Grande do Sul
    - São Paulo – Covas
    - Mato Grosso do Sul – Zeca

    “Meio Esquerdistas”
    - Paraná – Jayme Lerner

    Indecisos
    Rio de Janeiro – Garotinho
    Minas Gerais – Itamar

    Portanto os grandes estados com maior população e maior economia tenderam para a esquerda.


    Resultado: Grande desemprego, depressão econômica. Acumulação de um grande Lumper proletanat, principalmente sob a forma de acampamentos de Sem-Terra.

    É ISSO QUE A POPULAÇÃO QUER ?!

    Categorias: 1999 | Sem Comentários »

    Comentários